Entenda como o seu comportamento em redes sociais é analisado pelos recrutadores

5 minutos para ler

Você já parou para pensar que seu comportamento em redes sociais pode definir se uma vaga de emprego será ou não sua? Pois é! É cada vez mais comum que recrutadores analisem o perfil dos candidatos nas redes durante a seleção.

Por isso, profissionais que querem ingressar no mercado ou pleitear novas oportunidades precisam ter mais precaução com a forma de se portar online.

Continue a leitura e veja as dicas que separamos para você manter um perfil aprovado pelos recrutadores!

Como as redes sociais fazem a diferença no recrutamento?

De acordo com pesquisas, mais de 60% dos brasileiros está ativo nas redes sociais. A tecnologia faz parte da rotina da população, incluindo os profissionais. Nada mais comum que esses meios passarem a ter um papel importante no mercado de trabalho.

A observação de perfis online pode ser útil aos profissionais de RH por diversos motivos. Um deles é a necessidade de avaliar a fundo a pessoa que vai ser contratada. Afinal, ela vai representar a empresa para a sociedade. Não é raro uma corporação passar por uma crise por conta da atitude equivocada de um único funcionário.

Assim, é preciso saber qual é o comportamento em redes sociais que o candidato apresenta, como é sua personalidade, como ele se mostra para outras pessoas e como são seus relacionamentos.

Outra possibilidade para recrutadores é que esse tipo de busca ajude a filtrar mais as opções para um cargo muito disputado, eliminando perfis inapropriados e mantendo aqueles que têm mais a ver com a cultura organizacional que eles procuram.

Quais redes os recrutadores analisam?

Agora que você já sabe que a maioria dos recrutadores usa o comportamento em redes sociais para selecionar candidatos, veja quais locais eles analisam e o que observam em cada um deles.

Facebook

O Facebook é uma das redes sociais mais usadas no Brasil. É comum colocar informações, postar fotos e compartilhar publicações, muitas vezes de forma aberta a todos. Por isso, esse costuma ser o primeiro alvo de profissionais que realizam seleção de talentos.

LinkedIn

O LinkedIn é uma rede especialmente voltada para o mercado profissional, mas muitos profissionais ainda não dão valor a esse espaço. Um recrutador pode observar se seu perfil nessa rede está “abandonado” ou se você está antenado nessa tendência.

Instagram

No Instagram, o foco está nas imagens. Quais tipos de foto você costuma postar? Publicações que te coloquem em situações de muita exposição ou que te mostrem como uma pessoa egocêntrica podem te prejudicar.

Quais comportamentos você precisa evitar nas redes?

Para aumentar suas chances de conseguir a vaga desejada de estágio ou emprego, é importante garantir um perfil atrativo às empresas.

Listamos algumas ações que você deve banir do seu comportamento em redes sociais se quiser aparecer de forma mais positiva.

Compartilhamento de fake news

Notícias falsas são um verdadeiro mal da sociedade moderna. Elas espalham desinformação e acabam confundindo as pessoas. Em alguns casos, elas podem, inclusive, causar danos à imagem de alguém ou de uma empresa.

Não é difícil descobrir se uma notícia é falsa. Basta atentar para se há uma informação estranha e buscá-la em veículos de comunicação confiáveis.

Na dúvida, é melhor não compartilhar, afinal, compartilhar fake news mostra a um recrutador que o profissional não sabe se informar, é ingênuo ou mesmo que não tem ética.

Insultos e preconceitos

Um comportamento em redes sociais que pode desclassificar alguém em uma seleção de emprego é a propagação de insultos ou mensagens preconceituosas.

Textos ou imagens que contenham racismo, homofobia ou violência são tão sérios que podem ser denunciados às autoridades. Autores desses tipos de ações podem ser processados, banidos das redes e até mesmo presos, em casos mais graves.

Erros ortográficos

Em redes sociais, é comum escrever de maneira informal. No entanto, isso não pode fazer com que você deixe de lado as regras ortográficas.

Um bom profissional, independentemente de seu cargo, precisa sempre estar atento à fala e à escrita, já que a comunicação é fundamental no mercado de trabalho e na vida.

Se você sente dificuldades com ortografia ou gramática, vale a pena buscar dicas online ou um professor particular.

Reclamações sobre o trabalho ou a faculdade

Imagine que um profissional de RH olhe suas redes sociais e veja que você está constantemente reclamando do seu atual trabalho ou da faculdade que cursa. Ele pode ter a impressão de que você é uma pessoa insatisfeita ou preguiçosa. Assim, por que convocá-lo para o time da empresa?

Dados diferentes do seu currículo

Mentir no currículo é uma falta grave e, certamente, leva à desqualificação em um processo seletivo.

Uma das estratégias que recrutadores utilizam para descobrir informações falsas é justamente observar as redes sociais. Por isso, seja fiel aos dados que você passar.

Então, se seu comportamento em redes sociais estiver sendo monitorado pelos recrutadores, você será aprovado? Esperamos que sim! Nosso intuito com este artigo foi mostrar que a vida online influencia as chances de um profissional; por isso, é preciso ficar atento ao que é publicado nesses meios.

Qual foi seu maior aprendizado com este conteúdo? Você ainda tem alguma dúvida? Deixe-a nos comentários e fomente a discussão!

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-