Descubra como pode ser fácil ser efetivado no estágio

6 minutos para ler

O estágio é uma excelente oportunidade para adquirir experiência na área de estudo e até mesmo ser efetivado, conquistando um espaço para uma possível carreira promissora. Essa é uma importante etapa que pode resultar em relações profissionais duradouras, boas recomendações e destaque no mercado de trabalho.

Conseguir uma efetivação durante ou após terminar um programa de estágio é um importante sinal de qualidade e eficiência no trabalho, demonstrando aptidão e reconhecimento por parte dos gestores da empresa. Mas o que precisa ser feito para alcançar esse objetivo?

Neste artigo vamos comentar sobre a relação das empresas com os estagiários e dar dicas sobre as práticas mais apreciadas pelas organizações, que facilitam a efetivação do estagiário. Continue lendo para saber mais!

A relação das empresas com os estagiários

Antes da aprovação de uma norma geral sobre estágios, o estagiário era visto como apenas um estudante que servia cafezinho e cuidava dos serviços de xerox.

Com a promulgação da Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008, conhecida como “Lei do Estágio”, a regulamentação da contratação de estagiários trouxe mudanças significativas para as empresas, estudantes e instituições de ensino.

A principal delas é que o estagiário passou a ser respeitado e entendido como um profissional em formação. Veja a seguir, os benefícios conseguidos com a aprovação da Lei:

  • carga horária de estágio — máximo de seis horas diárias;
  • descanso remunerado — férias de 30 dias após um ano de atividades;
  • contrato de estágio — termo de compromisso entre o estudante, a empresa e a instituição de ensino, para garantir direitos e deveres das partes envolvidas;
  • seguro contra acidentes — a empresa deve oferecer seguro para acidentes pessoais, morte ou invalidez durante o período do estágio;
  • limite da quantidade de estagiários em uma organização;
  • redução da jornada de trabalho em dias de prova.

Embora a legislação tenha proporcionado vários benefícios, é importante observar que a empresa não tem nenhuma obrigação de efetivar o estagiário. Dessa forma, a continuidade na empresa por meio de contratação vai depender das atitudes e comportamento do estudante durante o estágio.

As práticas fundamentais para ser efetivado no estágio

O estágio pode significar a porta de entrada para o mercado de trabalho. Para tanto, é importante observar que uma série de fatores podem contribuir para que isso ocorra de uma forma fácil e fluida.

Veja a seguir algumas dicas importantes sobre as principais práticas essenciais que podem significar a chave para a efetivação.

Foque nos resultados

É importante considerar que o estágio é o primeiro degrau de uma carreira na área escolhida. Por isso, é imprescindível analisar os objetivos e metas que a organização tem para o seu programa de estágio e quais são os resultados estabelecidos pelo chefe da equipe.

Conseguir atingir os resultados propostos e entender a sua importância é uma excelente forma de demonstrar ao empregador sua competência e comprometimento no desenvolvimento das atividades.

Faça um bom gerenciamento do tempo e das tarefas

Para atingir os objetivos e metas propostos durante o estágio é essencial fazer um bom gerenciamento do tempo. Para tanto, é preciso ser organizado e elaborar um planejamento básico para conseguir entregar as tarefas dentro dos prazos estabelecidos.

Faça perguntas que desenvolvam o aprendizado

Durante o estágio é muito comum surgirem dúvidas em relação ao desenvolvimento do trabalho, afinal trata-se de um período de aprendizagem que visa colocar a teoria em prática. Nesses momentos, é importante se mostrar interessado e aprender o máximo possível.

Assim, diante de uma incerteza, é fundamental fazer perguntas para evitar erros que possam comprometer o desenvolvimento do trabalho e a sua imagem enquanto estagiário e futuro profissional.

Sugira ideias e soluções

Enxergar eventuais problemas como desafios a serem resolvidos é uma forma eficaz de demonstrar aos superiores a sua capacidade analítica e criativa, oferecendo uma ou mais soluções para a questão.

Também é importante observar que o erro faz parte da aprendizagem, e ao reconhecê-lo é fundamental apresentar um novo processo ou forma de repará-lo, para evitar que ele se repita.

Peça feedbacks

Pedir feedback ao responsável pela equipe de colaboradores é muito importante, pois mostra como ele está avaliando o seu trabalho. Com isso é possível descobrir os seus pontos fortes e fracos e aperfeiçoar constantemente as suas competências.

O feedback também ajuda a perceber como o seu comportamento está sendo interpretado, proporcionando uma visão do que precisa ser mudado. Às vezes uma pequena mudança, como mais atenção ao trabalho, pode fazer muita diferença para a efetivação na empresa.

Trate o estágio como um trabalho efetivo

É preciso lembrar sempre o impacto do seu trabalho na organização, já que as suas contribuições afetam as outras pessoas. Dessa forma, para conquistar respeito e admiração do empregador, é importante que o estagiário demonstre a importância que dá ao trabalho que desenvolve e o nível de responsabilidade que emprega para atingir os resultados esperados.

Crie uma forte rede de contatos

O networking é uma poderosa ferramenta para trocar informações e conhecer pessoas influentes na área em que se atua. Por isso, é importante criar uma forte rede de contatos e se mostrar sempre atualizado sobre o que está sendo discutido no setor e oferecer contribuições.

É por meio dessa troca que o estagiário pode obter conhecimentos relevantes para se destacar no mercado, descobrir habilidades, explorar novas áreas de atuação e realizar um trabalho cada vez mais eficiente. Além disso, um networking bem construído e atualizado pode garantir acesso a várias oportunidades, como a realização do sonho de uma contratação.

Seja ético

Não basta o estagiário ter um currículo atrativo, demonstrando competências e habilidades, se ele apresenta um comportamento que gera problemas para o ambiente de trabalho. É essencial entender que nada pode estar acima da ética no relacionamento com a equipe.

Para tanto, é essencial adotar atitudes voltadas à colaboração em vez da competição, e jamais passar por cima de alguém para alcançar os objetivos pessoais.

Como vimos, é possível ser efetivado no estágio adotando algumas atitudes e comportamentos que podem facilitar esse processo. Um dos aspectos que mais auxilia nesse sentido é ter um bom networking, tanto para o aprendizado quanto para abrir portas para novas oportunidades dentro e fora da empresa.

Se você gostou deste artigo, compartilhe-o nas redes sociais para que mais pessoas saibam quais práticas facilitam a efetivação no estágio!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-